Serviço Social Forense


O que é o Serviço Social Forense?
O Serviço Social Forense diz respeito à ligação do trabalho social a temas relacionados com o direito e a justiça.  Em sentido lato, inclui a prática do Assistente Social que, de alguma forma, se relaciona com questões jurídicas e processos judiciais, nas áreas de direito penal, civil, família e menores. Exemplo disso é o trabalho desenvolvido pelos/as Assistentes Sociais nas Comissões de Proteção de Crianças e Jovens em Risco (CPCJ), Equipas Multidisciplinares de Assessoria aos Tribunais (EMAT), Julgados de Paz, Centros de Educativos, entre outros.

Nota Biográfica da Coordenadora:
Madalena Sofia OliveiraMadalena Sofia Oliveira é Doutorada em Ciências Sociais na especialidade de Psicologia/Vitimologia (PhD)  e licenciada em Serviço Social pela Universidade Fernando Pessoa. Mestre em Ciências Forenses (MSc) pela Faculdade de Medicina da Universidade do Porto. 
Desde o início da sua atividade, exerceu funções de docência no ensino superior (Universidade Fernando Pessoa e Universidade Lusófona do Porto), foi presidente da direção de uma Instituição Particular de Solidariedade Social, exerceu funções enquanto Assistente Social com crianças e jovens em risco e intervenção comunitária e psicossocial. Foi, ainda, Técnica de Apoio à Vítima (Associação Portuguesa de Apoio à Vítima). 
Juíza Social no Tribunal de Família e Menores do Porto. Integra o Conselho Científico e coordena várias Pós-Graduações e cursos no Instituto CRIAP.  Investigadora com diversas apresentações e publicações nacionais e internacionais.  Consultora e Supervisora Pedagógica em várias entidades. 
Autora de quase uma centena de comunicações nas áreas da Vitimologia e do Serviço Social Forense, com destaque para a transmissão intergeracional da violência, violência nos relacionamentos íntimos e intervenção com crianças e jovens em risco.
Possui uma vasta experiência formativa, tendo sido docente/formadora de centenas de profissionais da educação, saúde e ação social (Psicólogos, Professores, Assistentes Sociais, Educadores, Criminólogos, Médicos, Enfermeiros, entre outros) nas áreas psicossocial e forense, em diversos contextos, designadamente: escolas, autarquias, centros de saúde, hospitais, IPSS, entre outras.

         

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *